搜索

[2021/06/03] Sessão de Bolsas de Contacto entre Xangai e Macau ajuda à expansão da rede de cooperação empresarial
2021-06-03

Com o intuito de reforçar a cooperação e o diálogo entre empresas de Macau e de Xangai, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) e o Conselho para a Promoção do Comércio Internacional de Xangai organizaram em conjunto, às 10 horas do dia de hoje (3 de Junho), a Sessão de Bolsas de Contactos entre Empresários de Xangai e de Macau, integrada no primeiro dia da “Semana de Macau em Xangai”. O evento contou com a participação de cerca de 110 representantes de empresas nos sectores do comércio, da venda grossista e a retalho de produtos/produtos alimentares, dos serviços do comércio electrónico, do turismo e da hotelaria, etc. Foram organizadas 96 sessões de negociação que procuraram promover a cooperação entre Macau e Xangai e expandir mercados, em áreas como a venda grossista de produtos alimentares artesanais e de vinhos, a venda a retalho de produtos de qualidade, a cooperação no domínio da restauração, etc.

Durante a sua intervenção, o Presidente do IPIM, Dr. Lau Wai Meng lembrou que a região do delta do Rio Yangtze, onde se situa Xangai, e a região da Grande Baía, onde Macau se insere, são as mais dinâmicas do país economicamente, com vasto potencial de cooperação. Actualmente, Xangai e Macau estabeleceram laços multifacetados e a vários níveis. Esta Sessão contribuiu para que os empresários de Xangai ficassem a conhecer melhor os produtos típicos e de alta qualidade de Macau e dos países de língua portuguesa, assim como promoveu uma cooperação mais estreita entre as duas partes. Ao mesmo tempo, aproveitou-se para incentivar os empresários de Xangai a instalarem-se e investirem em Macau através do serviço “One-Stop” para investidores do IPIM, fazendo uso das vantagens do território para avançar com o desenvolvimento na Grande Baía e expandindo as oportunidades de mercado.

Já o Presidente do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional de Xangai, Dr. Yu Chen, afirmou no seu discurso que as duas cidades têm vindo a integrar de modo preciso as duas estratégias nacionais da “Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau” e da “Integração do Delta do Rio Yangtze”, afirmando que “estamos no momento certo” para promover activamente a cooperação prática entre as duas partes. O Presidente manifestou a sua esperança de que, através da Sessão de Bolsas de Contacto, os intercâmbios económicos e comerciais e a cooperação entre Macau e Xangai pudessem atingir um novo patamar e encontrar um espaço mais amplo de cooperação e desenvolvimento, em nome da prosperidade económica regional.

Durante o evento, representantes do IPIM apresentaram aos participantes o ambiente de investimento local e os serviços providenciados pelo IPIM. As empresas de Macau tiveram produtos em exposição e organizaram provas gastronómicas. Simultaneamente, foram proporcionados serviços de consultoria por vídeo-conferência sobre o estabelecimento de negócios em Macau, fornecendo respostas imediatas online aos visitantes empresariais. Durante o evento, o serviço “One-Stop” para Investidores foi consultado, online e offline, 16 vezes com pedidos de informação relativos ao estabelecimento de negócios de gestão de activos, de importação de vinhos, de agências de viagens, de realização de grandes eventos em Macau, de processamento de substâncias químicas, de importação de prensas para comprimidos e de comercialização de seda, assim como o ambiente de negócios em Macau.

Sou Hei Man, director-geral da Sardinia Macau e participante nesta Sessão de Bolsas de Contacto, afirmou ter contactado com 6 compradores in loco, envolvidos nomeadamente na comercialização de produtos de banho e no comércio online e offline, assim como chegado a acordos preliminares de intenção de cooperação no âmbito de talheres, aromaterapia, sabonete e outros. Caso as duas partes cheguem a um acordo de cooperação, o valor da encomenda deverá ser 5 a 10 vezes superior ao das encomendas que recebe em Macau. O Sr. Sou afirmou ainda que, durante o processo de negociações, partilhou com os negociantes que o limiar quantidade das encomendas para a produção OEM ou outsource em Portugal é inferior ao do Interior da China, flexibilidade que também agradou aos comerciantes presentes.

Empresas de Xangai interessadas nas vantagens da plataforma de cooperação entre a China e os países de língua portuguesa e pretendem estabelecer negócios em Macau

Luo Fei, director de marketing (internacional) da Shanghai Tianxiang & Chentai Pharmaceutical Machinery Co. Ltd., empresa de Xangai participante no evento, disse que pretende abrir uma filial em Macau e que uma das considerações era a estreita relação entre o território e os países de língua portuguesa. A empresa espera poder fazer uso da “plataforma” de Macau para se internacionalizar e que, nesse sentido, utilizou os serviços de vídeo-conferência disponibilizados no local do evento para obter uma primeira compreensão de como se encontra o ambiente de negócios em Macau e criar algumas ligações preliminares. No futuro, a empresa planeia fortalecer os contactos e correspondência com o lado da procura, de modo a aprofundar a comunicação.

Na sequência da série de “Semanas de Macau” que têm vindo a ser organizadas, de forma ordenada, pelo Governo da RAEM, a “Semana de Macau em Xangai” tem lugar entre amanhã (dia 3) e dia 7 de Junho, com uma promoção na rua pedonal de Yuanmingyuan, na zona de Bund, distrito de Huangpu. Durante cinco dias consecutivos, o evento procura demonstrar o charme de Macau através de um formato de “caixa de presentes”. Desta feita, o IPIM organizou uma delegação composta por 22 representantes de empresas de Macau para participarem na Semana de Macau em Xangai. Ao mesmo tempo, liderou 40 empresas de fabrico em Macau, marcas de Macau e distribuidoras de produtos dos países de língua portuguesa na realização de exposições e vendas durante o evento. Os produtos vendidos e expostos incluem petiscos artesanais, cafés, chá preto, vinhos, azeite, compotas, sardinhas, pasta de caril, vestuário, alimentos saudáveis, entre outros. Esta variedade de produtos representa um contributo para divulgar as empresas de Macau sob diferentes perspectivas, aumentando o alcance das marcas. Pelas 10h do dia 4, terá lugar o “Seminário de Promoção sobre Turismo, Convenções e Exposições de Macau”, co-organizado pela Direcção dos Serviços de Turismo (DST) e pelo IPIM.


6.3.1.jpeg

A Sessão de Bolsas de Contacto entre Macau e Xangai teve lugar no dia 3 de Junho


6.3.2.jpeg

Intervenção do Presidente do IPIM, Dr. Lau Wai Meng na Sessão de Bolsas de Contacto entre Macau e Xangai


6.3.4.jpeg

O IPIM fornecerá serviços de consultoria por vídeo-conferência relativos à prossecução de negócios em Macau durante a Sessão


6.3.5.jpeg

Cerca de 110 representantes de empresas participaram na Sessão de Bolsas de Contacto de Macau e Xangai