搜索

Alua e Comidas Portuguesa Kam In não teme o mundo em mudança - "Quanto mais difícil a arte, melhor sabe o resultado"
2020-10-15

        "Muito embora a confecção de doçaria portuguesa não seja nada fácil, o bom gosto é coisa que nunca se perde!" Com uma história de mais de um século, a Alua e Comidas Portuguesa Kam In tem persistido e perseverado durante duas gerações, chegando agora às mãos da terceira geração na pessoa de Ho Choi Dai. A confeçcão artesanal, com o uso de técnicas características, permite aos seus produtos manter o seu paladar original. Entre os doces confeccionados, o alua e o bicho-bicho são particularmente únicos em Macau.

        

02何金燕店舖挂满嘉许状及各地媒体报道.JPG

A fundadora Ho Choi Dai


O segredo da loja, passado entre gerações

        A pastelaria e doçaria portuguesas são um elemento imprescindível das festividades da comunidade macaense. Entre todas as técnicas de confecção deste género de gastronomia, o fabrico do alua foi integrado na lista do Património Cultural Imaterial de Macau em Julho de 2020. Porém, devido ao complexo e trabalhoso processo de fabrico que este exige, poucos estão dispostos a fabricar e a vender o alua. A Alua e Comidas Portuguesa Kam In é, actualmente, o único estabelecimento em Macau dedicado à confecção artesanal e venda desta iguaria. A fundadora Ho Choi Dai revela que as receitas secretas das iguarias portuguesas confeccionadas no seu estabelecimento, com mais de um século de história, provêm de uma macaense chamada "Sap Sam Gu", que outrora ofereceu à tia do seu marido anotações contendo mais de 130 receitas de pratos portugueses. Uma vez que as duas gerações anteriores optaram por um modelo de negócio mais discreto e caseiro, fabricando apenas por encomenda e para famílias macaenses, muitos residentes locais desconheciam iguarias da doçaria portuguesa como o bicho-bicho, o alua, o empada e o ladu. Ho Choi Dai acredita que a tia, já idosa, não gostaria de ver estas receitas tradicionais da gastronomia portuguesa caídas no esquecimento. Apesar do processo de confecção ser moroso e os lucros serem baixos, Ho prometeu, ainda assim, tomar o empreendimento nas próprias mãos e alterou o modelo de negócio abrindo as vendas ao público, esperando poder dar a conhecer gastronomia tradicional portuguesa a mais residentes locais.

 

05镇店商品牛油糕.JPG

 Alua, o produto estrela


03何金燕讲解用铜鑊制作牛油糕的过程1.jpg

Tacho de cobre de grande dimensão usado na confecção do alua


Reconhecimento recebido pela herança de técnicas tradicionais de fabrico

        O sabor do alua assemelha-se a uma versão doce dos bolos de arroz glutinoso da China. Os macaenses costumam acompanhar este doce com vinho tinto. Os principais ingredientes incluem farinha, manteiga, amêndoas, pinhões e leite de coco. O processo de fabrico leva pelo menos três dias. Também a especialidade da casa é bastante apreciada pelos clientes, assim como o famoso bicho-bicho, de textura solta e rico paladar de manteiga e ovo que muito agrada aos fregueses. Nos últimos anos, estes doces têm vindo a tornar-se um souvenir indispensável para quem visita Macau e têm ganhado, de modo consecutivo, todo o tipo de elogios e prémios culinários. Também os órgãos de comunicação social não têm ficado indiferentes, contribuindo para tornar a marca cada vez mais famosa e uma referência de sucesso. Aproximando-se do seu décimo aniversário de actividade, a Alua e Comidas Portuguesa Kam In conta actualmente com duas lojas em Macau e na Taipa, onde continua a melhorar os seus produtos através da adição de bolachas tradicionais portuguesas e macaenses com diferentes sabores. Ho Choi Dai afirmou que as suas metas de desenvolvimento para o futuro são abrir uma fábrica no Interior da China, alargar o alcance do seu negócio, aumentar a produção e aperfeiçoar as cadeias de abastecimento, de modo a elevar a confiança dos investidores na sua marca.


01何金燕坚持手工制作虫仔饼1.jpg

 Ho Choi Dai continua a confeccionar bicho-bicho com métodos artesanais


06虫仔饼及葡式杏仁片曲奇深受欢迎.JPG

bicho-bicho é um doce bastante popular


IMG_1876.JPG

A marca foi alvo de diversos prémios e elogios


07葡式曲奇加入不同口味.JPG

Bolachas portuguesas de sabores diferentes


08何金燕近年尝试增添中式糕点.JPG

Iguarias características de Macau


Um empreendimento apoiado nas piores alturas tenta agora alargar a sua base de clientes através da participação em eventos

        Olhando para trás e recordando os primeiros tempos do seu negócio, Ho Choi Dai não tem vergonha de afirmar que a situação não era de todo a ideal e que tinha prejuízos praticamente todos os meses. Naquela altura, teve a sorte de contar com o apoio do IPIM, que a auxiliou de perto com as formalidades e processos de participação em exposições. Obteve também a aprovação para marcar presença na "Macau Ideas" organizada pelo IPIM, uma oportunidade para reforçar a sua marca continuando a acumular clientes e fazendo com que os seus produtos tenham um maior alcance. Desde o início do negócio até hoje, a sua participação anual nas exposições e eventos organizados pelo IPIM tornou-se já um hábito. É muito frequente os seus produtos esgotarem durante os eventos, o que deixa Ho mais confiante em relação a eles. "Espero que estes exemplares de gastronomia tradicional portuguesa possam continuar a ser preservados com o meu contributo!".


72625282_2421223081330405_5378784061009428480_o.jpg

Participação em eventos e exposições, com o objectivo de ganhar mais clientes


04金燕西洋牛油糕葡式食品目前在澳氹开设共两家店舖.JPG

O Alua e Comidas Portuguesa Kam In possui duas lojas em Macau


Contacto Kam In


Caso tenha interesse em contactar e cooperar com a empresa mencionada, por favor contacte os funcionários do “Macao Ideas” durante o horário de expediente.

Tel: 

Sra. Cheang +853 8798 9707 

Sra. Chong +853 8798 9739

Email: 

fionacheang@ipim.gov.mo 

elizachong@ipim.gov.mo